A consagração chegou: alunos do Treinamento Esportivo mostram talento e superação em dois dias de competições pela Liga SESI

Entre atletas, familiares e comunidade local, estima-se que 1450 passaram pela edição de 2019 da Liga SESI-SP de Treinamento Esportivo

 Por: Karina Costa, Núcleo de Comunicação
12/12/201916:42- atualizado às 13:50 em 21/12/2019

Quem presenciou a agitada turma de jovens atletas fora das quadras, piscinas e salas de competição durante a edição de 2019 da Liga SESI-SP de Treinamento Esportivo, se admirou ao perceber que o mesmo grupo animado, em questão de minutos, aparecia concentrado, dedicado e, acima de tudo, respeitoso uns com os outros na hora de competir. Alunos e atletas, eles conseguem fazer calmamente essa transição com a ajuda dos aprendizados adquiridos nas escolas e programas esportivos da instituição, que vão muito além de ensinar e incentivar habilidades técnicas com o objetivo de colocá-los no pódio. E foi na final estadual do campeonato, que aconteceu simultaneamente nas unidades de Campinas e Indaiatuba, nos dias 11 e 12 de dezembro de 2019, o momento de confirmar esse trabalho de formação realizado pelo SESI-SP.

“A Liga traz uma oportunidade extraordinária para nossos alunos e atletas, coroando a preparação esportiva ocorrida durante um ano todo. Nesse momento, experiências são colocadas em prova, mas também a habilidade emocional, a resiliência. E os valores do esporte são testados e validados. É uma grande festa, dias intensos de diversão, superação e muito amor pelo esporte”, comemorou o coordenador de Qualidade de Vida do SESI Campinas Santos Dumont, Julio Cesar da Silva.

O diretor da unidade do SESI em Indaiatuba, Guilherme Castilho Sabio, enfatizou o trabalho do SESI-SP como formador de atletas. “Esse evento realizado em parceria com a unidade de Campinas Santos Dumont é uma forma de mostrar para a comunidade local, indústria e para quem ‘não vive o SESI’ nosso potencial e como isso pode transformar o mundo”. O coordenador de Qualidade de Vida da unidade, Rogerio Ribeiro da Silva, complementou a fala de seu parceiro de trabalho ao falar da importância da educação por meio do esporte. “Estimulamos a prática da atividade física, mas também a convivência e a integração entre esses alunos, vindos de diferentes unidades do SESI pelo Estado. É um legado para Indaiatuba, mas, principalmente uma maneira de mostrar nossa força como formadores da educação e do esporte”.

Paulo Casati, diretor do SESI Campinas Santos Dumont, finalizou lembrando da importância do SESI-SP para o esporte. “Somos reconhecidos nacionalmente por oferecer um dos mais importantes programas de formação esportiva. Já revelamos diversos atletas que representam o Brasil no mundo em diversas modalidades. Foi um ano de muito esforço e dedicação desses atletas e seus treinadores, e essa festa vem para coroar todo o crescimento e desenvolvimento que adquiriram nesse tempo”.

Confira os vencedores nas 10 modalidades disputadas na Liga SESI-SP de Treinamento Esportivo:

 

Quer conhecer alguns dos atletas presentes na Liga SESI? Veja quem estava lá:  

Yasmin Gabrielly, atleta do Treinamento Esportivo, modalidade Judô

“Participar da Liga de Treinamento Esportivo abre muitas portas. Essa é minha terceira edição e minha experiência me levou a participar de outros jogos. Fui vencedora do Campeonato Periquito e fiquei em nona no nacional da modalidade”, destacou.

A atleta, de 17 anos, iniciou no Programa Atleta do Futuro (PAF) no SESI Bauru e agora está fazendo a transição do Treinamento Esportivo para a equipe de Rendimento do SESI-SP. “Quero me formar em Educação Física, chegar a faixa preta do judô e participar de uma Olimpíadas,” compartilhou.

 

Marcela Cocenza, atleta do Treinamento Esportivo, modalidade Atletismo

“Incentivo, técnicas e ensinamentos, tudo foi conquistado no SESI-SP! Sou grata a meus treinadores e professores”, declarou a atleta que treina no SESI Campinas Santos Dumont.

 

Décio e Claudineia, representando os pais dos atletas da Liga SESI-SP de Treinamento Esportivo

Décio e Claudineia (ao centro a treinadora do filho deles, Raquel Albieri)

Os familiares que acompanham os jogos da Liga dão um show à parte: uniformizados, exibindo com orgulho suas camisetas com frases como “Pais de Atleta”, ficam num misto de sorrisos, lágrimas e muito incentivo. Um deles é o casal Décio e Claudineia, pais do aluno Vitor Gabriel, da equipe de natação do SESI Campinas Santos Dumont.

“É uma alegria, felicidade mesmo ver nosso filho se tornar um atleta com o apoio do SESI-SP. É uma coisa inexplicável o que a instituição proporciona na vida dele em termos pessoais e na saúde”.

 

Vitor Gabriel, Andrei Gabriel e Dudu Santos, atleta do Treinamento Esportivo, modalidade Natação

Vitor Gabriel, Andrei Gabriel e Dudu Santos

Os amigos Dudu, Andrei e Vitor (sim, o filho de Décio e Claudineia!), são alunos de escolas públicas parceiras do SESI em Campinas e Hortolândia. Amigos e companheiros da equipe de natação da unidade Campinas Santos Dumont, eles se juntam para falar ao portal SESI-SP. Do alto de seus 9 a 11 anos de idade.

“Estar na Liga é um orgulho! Desde 1 ano de idade a natação está presente na minha vida, por isso quero agradecer meu pai e minha mãe. Moramos em outra cidade, meu pai chega cansado do serviço e me leva para o treino”, revelou Dudu. Andrei aproveita para avisar que competir não deve ser motivo de pressão. “É se dedicar e se divertir. Agradeço também minha família por me apoiar”.

Vitor finaliza dizendo que sua vida de esportista é de muita luta, esforço e apoio: “Para competir, não precisa ter vergonha, ficar nervoso. Quero dizer obrigado aos meus pais por me levarem nos treinos e competições, também agradeço minha professora (a treinadora Raquel Albieri), o SESI-SP, que nos ajuda vir até aqui, e também as escolas, que ensinam a educação e o esforço”.

 

André Avallone, treinador do Rendimento Esportivo, modalidade Polo Aquático

“Esses dois dias de competições colocam essas crianças em experiências de vida importantes, como o trabalho em equipe e praticar o respeito. Esse é o nosso papel principal, sou grato pelos frutos colhidos por eles”.

Rudá Franco, atleta do Rendimento Esportivo, modalidade Polo Aquático

O jogador de Polo Aquático, Rudá Franco, reforça a importância de o SESI apoiar o esporte desde a base. “É a popularização do esporte por meio do SESI. Temos 10 unidades com Polo Aquático”, exemplifica. “Para as crianças, é muito motivador, e para quem já passou por isso, que é o meu caso, é muito bom ver esses alunos crescendo e avançando para o time adulto”.

 

Michael Marcelino, atleta de Rendimento Esportivo, modalidade Judô

Aluno do SESI durante praticamente toda a sua vida escolar, Michael, hoje com 20 anos, voltou para a instituição como atleta profissional. E faz questão de colaborar em eventos esportivos como a Liga: “É gratificante para mim e, para as crianças, é importante saberem que somos todos iguais, que elas podem chegar no nosso nível. A melhor parte é como as crianças veem isso! Somos ídolos para eles, então nosso papel é estar por perto e ajuda-los”.

De uma família de judocas, em 2019, o atleta do SESI-SP conquistou sua terceira medalha em um mundial. Parte das seleções (categorias sub 21 e sênior), fala de sua batalha para chegar aos Jogos Olímpicos 2020: “Esse ano fiquei em terceiro no Campeonato Mundial e considero essa colocação e etapa muito importantes. Estou com bastante foco na batalha pelas Olimpíadas, vou buscar a melhor posição no ranking, pois estou entre os quatro na disputa para uma vaga. Ainda não caiu a ficha, mas essa colocação só me faz querer lutar para estar lá”, declarou o atleta de 20 anos, que treina no SESI Bauru.

 

Brenda Padilha Pereira, atleta do Rendimento Esportivo, modalidade Karatê

Brenda (terceira da esquerda para direita)

“Venho aqui incentivar os atletas para que um dia eles possam chegar ao Rendimento, mas, tão importante quanto evoluir como atleta, é evoluir como pessoa. E, para mim, esse é o objetivo do Karatê no SESI-SP”, declarou a atleta da equipe sediada no SESI Cubatão.

Brenda é atleta profissional do SESI-SP há apenas 1 ano, mas já celebra conquistas com a parceria da instituição. “Disputei as categorias sub 21 e sênior, obtive bons resultados, alcancei todas as minhas metas e meu planejamento para 2020 já está pronto. Quero ir para as Olimpíadas”, reforçou a atleta que conquistou medalhas no Pan, é bicampeã brasileira e tetracampeã paulista da modalidade, entre outros títulos. “Para alcançar esses objetivos, o atleta tem que querer muito. Mas ninguém faz nada sozinho e eu reconheço a rede de apoio que eu tenho dentro do SESI-SP, uma grande equipe”, finalizou Brenda, lembrando que este é seu retorno ao SESI, já que foi atleta da Base da instituição em 2014.

 

Erik Cardoso, atleta do Rendimento Esportivo, modalidade Atletismo (100m, 200m e revezamento 4x100m)

“É uma honra como atleta do SESI-SP servir de exemplo para essas crianças, porque foi assim que iniciei, ainda pequeno. Aos 12 anos, eu que estava admirando os atletas do Rendimento Esportivo em Piracicaba”, declarou o atleta, que foi aluno do SESI durante todos os anos escolares. “Agora eu que sou a esperança dos iniciantes e acredito que para todos será possível”.

Erik conta que uma professora de educação física do SESI-SP foi a responsável pelo seu início nos esportes. “Ela me incentivou e minha disposição nas aulas me levou a uma indicação para participar do atletismo pelo Programa Atleta do Futuro (PAF). Fazia todas as provas da modalidade, como salto em distância, corrida, arremesso de peso, mas fui me especializando com o tempo. Hoje, como atleta dos 100 e 200m, conquistei resultados nacionais e internacionais, conheci vários países, melhorei minha qualidade de vida e me tornei um cidadão. O SESI-SP transformou a minha vida”. 

(Com informações de Fábio Máximo, assistente de Comunicação Regional - unidades do SESI em Campinas, Indaiatuba, Itu, Jundiaí e Sumaré)

 

Saiba mais sobre a Liga SESI-SP de Treinamento Esportivo

Desde 2013, a Liga SESI-SP de Treinamento Esportivo celebra um ano inteiro dedicado à formação de futuros atletas. Trata-se de um dos maiores eventos esportivos promovidos por uma instituição privada que aposta, entre outras áreas de atendimento, na promoção ao talento esportivo.

Na edição de 2019, 1200 competidores participaram de provas em 10 modalidades olímpicas: Basquete, Handebol, Atletismo e Ginástica Artística foram disputadas no SESI Campinas Santos Dumont; também na cidade, as finais de Polo Aquático, na Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx). Já em Indaiatuba foram realizadas as competições de Judô, Luta Olímpica, Karatê, Vôlei e Natação.

 

O programa de Treinamento Esportivo do SESI-SP

Aposta da instituição para a formação de novos atletas, o Treinamento Esportivo é a área intermediária entre o Programa Atleta do Futuro, de promoção da formação e cultura esportiva, e o Rendimento Esportivo, de atletas profissionais.

O projeto oferece a jovens de 10 a 20 anos a oportunidade de um primeiro contato com o treinamento esportivo sistematizado e a participação em competições. Um trabalho de detecção e retenção de talentos iniciantes contribuindo para o seu desenvolvimento como possível atleta. Tudo isso com a filosofia SESI-SP de disseminar os valores positivos do esporte.

Em 2018, o programa atendeu mais de 5 mil alunos em 37 unidades do SESI-SP e mais 18 prefeituras conveniadas.

Leia também